28/06/2012

Os dias vão se passando. Na casa do meu namorado, como sou obrigada a fazer as refeições, chego a vomitar duas ou três vezes por dia. Também tomei laxantes ontem.

E o pior de tudo. Não me sinto mais magra. Coube em uma calça na qual creio que não caberia duas semanas atrás, está até meio folgadinha na pança, agora. Mesmo assim, não me sinto mais magra. Ninguém nem comentou nada, nem mesmo minha mãe, que sempre foi a primeira a notar minhas alterações de peso com sua preocupação...

Hoje dormi o dia todo e à noite minha sogra veio me perguntar se eu tomava remédios para dormir/calmantes. Eu disse que não. Faz mesmo um bom tempo que não tomo a Fluoxetina. Ela falou da cunhada dela que depois que começou a tomar isso se viciou e hoje não faz nada da vida, parece que vive sempre dormente, nem ao menos se cuida "...dá uma tristeza de entrar na casa dela..." e "...as pernas dela parecem pernas de homem...". Nessa hora olhei minhas próprias pernas por depilar e resolvi fazer uma faxina em mim. Faz tempo que não vou ao psiquiatra. Aliás, cada vez que ía, ía em um diferente. Mas meus pais vão me infernizar quando notarem que "acabou" (porque estou sem receita há tempos e são eles que compram pra mim) meu remédio. Não quero ficar mentindo, mas não quero tomar essas bostas. E daí se eu me sinto feliz e melhora minha auto-estima? Ou eu simplesmente fico mais dormente, como as outras pessoas? Foi tomando essa bosta que eu cheguei aos 54Kg de novo? Não quero mais. Prefiro ser triste do que ser dormente, viver essa felicidade comprada em farmácia.

Ando tão confusa sobre meu namoro, com o RCR*. Vamos fazer 8 meses mês que vem. A verdade é que não me sinto mais apaixonada por ele há um bom tempo. Tenho vontade de terminar frequentemente, mas não tenho coragem. Até tentei uma vez, mas acabamos nós dois chorando e não terminei de fato. Gosto muito dele, ainda, mas agora, apenas como amigo. Não acredito muito em "amores eternos", como aqueles dos filmes e livros de romances, e acho que nas relações duradouras tudo o que sobra é mesmo amizade, respeito e companheirismo. Mas pra mim, não parece ser suficiente. Não pretendo casar e de que vale levar adiante um relacionamento que não acho que tem futuro. Sinto-me presa ao comodismo e à pena que tenho dele. Vai ficar tão sozinho sem mim. Ao mesmo tempo sinto que estou usando ele, porque é mais fácil ficar na casa dele, mais perto da faculdade, e é bom ter uma companhia, e a minha sogra é tão querida... Mas isso é justo? Com ele? Comigo? Não estou feliz. Me sinto sufocada, e angustiada pela perspectiva culposa de estar com alguém por quem não sinto nada "além" de amizade. Sexo, então, faço de tudo pra fugir...

Conversei com meus pais. Chorei. Disse que me sentiria culpada se terminasse de novo porque sei que eles gostam do RCR* e porque já é meu 9º namorado acreditem ou não, e eu fico pensando que meu pai imagina que eu já me "deitei" com todos eles. Eles disseram que isso não tem nada a ver, que quem vive minha vida sou eu e que eles nunca vão deixar de me amar. Que vão me apoiar no que eu escolher. Disseram que realmente, relacionamentos longos se mantém pela amizade, porque inevitavelmente a paixão acaba depois de um tempo. Mas também disseram que "se não dá, não dá...". Minha mãe: "Afinal, eu posso até gostar dele, mas é você quem abraça ele, beija ele, faz a parte ruim (se referindo ao sexo aoishoiashas)"

O que vocês acham? Continuo? Termino?

Hoje depois da aula voltei para casa. Estou com fome. Meu estômago dói.

Comentários

  1. OI querida, situação difícil essa né? Pelo menos vc tem o apoio dos seus pais.Tudo vai se resolver , acredite. Comodismo e pena não constroem um relacionamento, lembre-se.
    E vc me fez uma pergunta lá no meu blog, efeito platô é aquele período que o corpo PARA de emagrecer, mesmo com minimas calorias ele para de emagrecer!!! Enfim aí só me resta viver de NF kkkkk.
    Fique bem viu.

    ResponderExcluir
  2. oi queridinha.. eu tambem passo por isso com meu namorado, eu gosto muito dele mas nao sei se amo ele da mesma forma que ele me ama, e acho que as vezes ele percebe isso. eu acho que vc nao deveria terminar poderia ser legal vc tentar se aproximar dele admirar as qualidades conversar mais...
    enfim. é assim mesmo, mas acredite. ficar sozinha deve ser bem pior ne?
    fica bem amor.
    qualquer coisa to akki
    bjinhuu

    ResponderExcluir
  3. Oi linda,mia não é fácil neh,eu não gosto mais mio de vez em quando tbm (todo dia) ¬ Mas enquanto ao seu namorado sabe que eu realmente acho que um relacionamento sem ter amizade não é um namoro...e isso vcs tem uma bela amizade agr se vc esta com essa duvida e não ve um futuro pra vcs pq então continuar juntos...vo ti da um exemplo, eu namoro ja vai fazer 3 anos, e a gnt não sabe o dia de amanhã, mas amo muito ele e ele demonstra me ama tbm e sempre planejamos um futuro junto...ele é bem esforçado e diz que vai arruma um emprego bom pra gnt ter uma casa bonita...e eu sempre falo com ele que quando casarmos vou cuida bem dele...então estamos sempre planejando o futuro um com o outro sabe, Agr se vc não se ve assim e realmente não gosta dele como "namorado" é melhor termina...não posso falar pra vc assim "Vai lá,termina" ou "fica com ele" pq isso é uma decisão que vc tem que tomar sem influencia de ninguém pra depois não se arrepende! Pense bem no que vai fazer, e quanto minha cama, eu simplesmente sentei nela e a lateral racho...foi nada que vc penso haushaus ! Beijos e Força linda ...

    ResponderExcluir
  4. Oi amor, to te seguindo <3
    Bom, na MINHA opinião acho que vc deveria terminar com ele.. ele vai superar isso do msm jeito q vc vai se acostumar sem ele, n se apegue dms as pessoas, se ele quisesse acabar ja teria o feito. Mlhr terminar do q viver presa a uma pessoa q vc n é apaixonada. Bjinhos linda

    ResponderExcluir
  5. Eu vi e algum lugar há um tempão que só amor não é suficiente pra um relacionamento dar certo e sempre fico repensando essas palavras. Penso: "Como assim?" Se eu amo, ele ama, pronto! A receita de contos de fadas com finais felizes!

    Mas realmente as coisas não são tão simples... Eu tô repensando muito no meu namoro também e tenho certeza que só amor não é suficiente. Às vezes penso que ele não me ama tanto quanto eu e tenho vontade de terminar, às vezes penso ao contrário e me sinto mal... É estranho isso de você gostar de uma pessoa, mas não ter vontade de ficar com ela.. Se sentir sufocada assim... Eu também cheguei a esse ponto de fugir de sexo. Também de beijos, abraços e romantismos. Tô quase uma pedra de gelo perto dele. No fundo eu quero que ele perceba e termine. Acho que eu sou tão covarde que não tenho coragem de fazer isso até porque temos todas as comodidades que você ja disse em outro post...

    Enfim, sei o quanto é complicado e acho que se você pode, termine o quanto antes. isso não faz bem pra ele nem pra você. E quanto mais tempo demorar, pior pra quem ta amando de verdade e acreditando que vai dar certo. Vai por mim... Não deixa completar 2 anos que se torna quase impossível ficar muito tempo longe do grude D:

    se cuida e tome a melhor decisão. depois me conta o que vc decidiu :)

    ResponderExcluir
  6. Meninas não julgo nenhuma de vcs, sei muito bem o que vcs estão passando, pois é muito dificil viver nessa sociedade que valoriza tanto a beleza exterior.
    Mas o importante é lembrar que Deus ama vcs do jeito que vcs são, peçam ajuda a ele e descobrirão como amar a si mesmas!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixem seu cheirinho, princesas ♥

Postagens mais visitadas deste blog

12/11/16

30/04/17

02/12/2009